A Fórmula 1 volta ao circuito de Albert Park neste final de semana para a disputa do Grande Prêmio da Austrália, corrida que não é realizada desde 2019. O circuito, localizado em Melbourne, chegou a receber os pilotos da categoria máxima do esporte a motor mundial em 2020, mas a pandemia, ainda em estágio inicial, cancelou a prova horas antes do início dos treinos livres.

A situação da Fórmula 1, porém, mudou muito de 2019 para agora. Se a Mercedes dava as cartas naquela época, a temporada deste ano começa com os alemães apenas como terceira força, enquanto Ferrari, com Charles Leclerc, e Red Bull, com o atual campeão mundial Max Verstappen, protagonizam as disputas.

A pista de Albert Park teve duas mudanças sutis em seu traçado, que promete ser mais rápido e possibilitar ultrapassagens. Caso isso de fato aconteça, a expectativa é de uma boa corrida no circuito localizado no mais importante parque de Melbourne.

A programação será toda de madrugada no horário brasileiro. Os primeiros treinos livres estão marcados para a sexta-feira, e seguem no sábado, dia que também será marcado pela classificação que determinará as posições de largada. O Grande Prêmio da Austrália de Fórmula 1 será disputado na madrugada de domingo.

Quem quiser acompanhar as atividades, poderá fazê-lo pelo Grupo Bandeirantes de Comunicação. O BandSports mostra os treinos livres com exclusividade, e entra em rede com a Band na classificação. A corrida contará com exibição exclusiva da Band. Além disso, a Rádio Bandeirantes, em rede com a TV, e a BandNews FM mostram a corrida ao vivo.

Sexta-feira, 8 de abril

0h – treino livre 1 (BandSports)

3h – treino livre 2 (BandSports)

Sábado, 9 de abril

0h – treino livre 3 (BandSports)

3h – classificação (Band e BandSports)

Domingo, 10 de abril

2h – GP da Austrália de F1 (Band, Rádio Bandeirantes e BandNews FM)

Deixe seu Comentário