A caixa Econômica em toda Região Nordeste, vem se destacando em uma só coisa; no desrespeito ao cliente. No Estado da Paraíba a configuração de atendimento da Caixa Econômica Federal Consiste em deixar os clientes no lado de fora da agência, As pessoas se submetem a ficar no Sol, Chuva e outros maus tempos e ainda arriscando a vida no lado exterior da agência, Muitas pessoas passam  mau e ninguém do banco presta socorro aos seus clientes, Eles fica a depender dos outros clientes que também estão esperando da mesma forma.
Além de uma demora sem fim, é relevante registrar que a Caixa Econômica Federal, empresa Pública Federal, que deveria ser modelo e exemplo de atendimento ao consumidor, face ao relevante papel que representa no Sistema Financeiro e Bancário Nacional, inclusive como regulamentadora do aludido Sistema”. E completou: “A CAIXA, por ser empresa pública federal, também está submetida ao princípio da eficiência de que trata o art. 37 da Carta Política, não podendo buscar a justificativa de mau atendimento aos seus clientes e ao público geral no volume de serviços e atividades que lhe são cometidas”

No entanto um cliente, permanecer em uma fila, aguardando atendimento, por 1 hora e 32 minutos ou mais, o que revela menosprezo ao cliente, gerando um sentimento de baixa estima, desgaste físico e emocional, aborrecimentos, angústia, sensação de descaso e irritação, o que enseja sofrimento psicológico e íntimo incomuns, sujeitando a entidade financeira às sanções administrativas previstas na lei municipal e a indenização pelos danos morais sofridos  pelo consumidor lesado pelo ato ilícito do fornecedor do serviço mal prestado e ineficiente.

Assista esse vídeo que se passou em Itabaiana Paraíba:



Vídeo do Instagram: @gildoreportersecreto.
Da Redação.

Deixe seu Comentário